A DRCC flagra funcionários responsáveis pela interrupção de 28 serviços públicos

Últimas notícias

6/recent/ticker-posts

A DRCC flagra funcionários responsáveis pela interrupção de 28 serviços públicos


Na tarde de quinta-feira (9), policiais civis da Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Cibernéticos – DRCC/PCDF conduziram dois homens, ambos de 33 anos, que foram flagrados retirando estruturas de conexão de rede dos postes sob concessão da empresa NeoEnergia. A ação resultou na interrupção e perturbação de serviços de conexão telemática de vários órgãos públicos na região do SIA.

Conforme apurado, os funcionários terceirizados da empresa de energia do DF cortavam os cabos de fibra ótica que não estavam com identificação de origem. Dessa forma, o serviço de 28 órgãos do GDF foi atingido, entre eles UPAS, Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, TJDFT.

De acordo com o delegado da DRCC, Giancarlos Zuliani, o procedimento foi irregular. “Não se pode identificar um cabo que reconhece como não sendo legítimo e sair cortando. O correto é que o proprietário do poste notifique a empresa de cada cabo para que pague pela utilização. E não, simplesmente, cortar e provocar a interrupção de vários serviços públicos”, explicou.

Na delegacia, os funcionários responsáveis pela ação foram autuados, em flagrante, pelo crime de interrupção de serviços telemáticos. A autoridade policial arbitrou fiança no valor de R$ 1,5 mil. Após o recolhimento, eles foram liberados.

Da redação com informações da Assessoria de Comunicação/DGPC
PCDF, excelência na investigação

Postar um comentário

0 Comentários

A PCDF deflagra Operação Cremágicos